Blog – Daniela Alves

Base de Dados sobre o Tráfico da Vida Humana

  • APP deste Blog para Celular

    APP para celular

  • ENQUETE – Serviço Consular Brasileiro: Você já precisou de auxílio urgente da embaixada ou consulado do Brasil e foi negligenciado(a)?

    CLIQUE ABAIXO E RESPONDA A ENQUETE ENQUETE - Serviço Consular Brasileiro: Você já precisou de auxílio urgente da embaixada ou consulado do Brasil e foi negligenciado(a)?
  • Conheça a campanha UNODC

  • Siga-me no Twiter

    Twiter
  • Crimes na Internet

  • Translator

  • Posts mais lidos

Vaticano pede mais esforço no combate ao tráfico de pessoas

Posted by Daniela Alves em dezembro 6, 2008


O Vaticano marcou presença no Conselho ministerial da organização para a segurança e a cooperação na Europa (OSCE), que se concluiu esta Sexta-feira, deixando um apelo por um maior no combate ao tráfico de pessoas.O Arcebispo Dominique Mamberti secretario para as relações com os Estados, falou em Helsínquia do trafico de seres humanos como um fenómeno social “pluridimensional de miséria, pobreza, avidez, corrupção, injustiça e opressão, que se manifesta com a exploração sexual, o trabalho forçado, a escravidão e o recrutamento de menores para conflitos armados”.

“Sabemos bem – disse o Arcebispo Mamberti – que as causas deste fenómeno incluem factores económicos como o desequilíbrio entre os níveis de bem-estar rural e urbano e o desejo desesperado de fugir à pobreza”.

“Para o problema contribuem também factores jurídicos e políticos, como a falta de legislação e a ignorância dos pais e das vítimas acerca dos próprios direitos perante a lei. A desconfiança na lei e as fronteiras abertas desempenham também um papel, assim como factores socioculturais tais como a aceitação social de mandar os filhos a trabalhar fora da família, o analfabetismo, os níveis baixos de instrução, a aceitação da escravidão da divida e a discriminação contra as mulheres”, prosseguiu.

Para este responsável, “a globalização e o maior movimento de pessoas podem também tornar grupos vulneráveis, como as mulheres e as jovens presa mais fácil dos traficantes, que, claramente não têm nenhum respeito pela dignidade da pessoa humana e consideram as pessoas como simples produtos para comprar, vender, usar e abusar à vontade”.

“A minha delegação – concluiu D. Dominique Mamberti – deseja sublinhar o empenho da Igreja Católica em defesa da dignidade de cada vida humana, em particular dos mais vulneráveis, e garantir o seu apoio pleno aos esforços da OSCE para eliminar a chaga do tráfico de pessoas, em particular de mulheres e crianças, da prostituição, e do trabalho forçado”.

(Com Rádio Vaticano)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: